Índice

Para mais conteúdos como este, cadastre-se para receber nossa newsletter.

Compartilhe

Em 2022, se acostume a ouvir termos como inteligência artificial e machine learning no seu expediente, independente de qual segmento você trabalhe. Apesar destes conceitos ainda estarem em um espectro distante de realidade como em carros autônomos, o mundo não precisa ser um planeta distante e colorido da animação Futurama para termos contato com eles: convivemos diariamente com aplicações de IA (inteligência artificial) e ML (machine learning) como, por exemplo, chatbox, aplicativos de tradução simultânea, sistemas de recomendação de sites, plataformas e streamings e os anúncios exibidos em sistemas de busca como o Google.

Mas o fato é que a pandemia acelerou os processos envolvendo as tecnologias de inteligência artificial. Antes de tudo, é importante recapitular o significado destes conceitos. A Inteligência Artificial busca reproduzir a inteligência humana para resolver problemas complexos de um modo similar ao que as pessoas fariam.

Já o Machine Learning é um campo da IA que permite que computadores aprendam e reconheçam padrões sem que sejam programados para isso. Os algoritmos de ML visam substituir a incerteza e o esforço humano, trazendo algum intervalo e quantificando hipóteses.

Na era de Big Data, levando em conta os 3 Vs – volume, variedade e velocidade – nossa interação com serviços e produtos digitais gera dados que são armazenados e processados a favor dos negócios e das pessoas, através de algoritmos e soluções de machine learning. O interessante é que a tecnologia tem se mostrado acessível para todas as áreas: pequenos negócios até projetos grandiosos.

Mas a tecnologia só terá utilidade real para empresas e usuários se os dados que ajudam a prever parâmetros forem uma contribuição de pessoas com origens diferentes para projetar soluções na área. A experiência de usuário é afetada diretamente por essas tecnologias. A seguir, veremos como esses três conceitos se encontram.

imagem texto blog 13 IA UX 01

Impactos da IA em experiências do usuário (UX)

Em alguns aspectos, a IA, o ML e o UX Design possuem funções similares. Todos reúnem dados, analisam interações de usuários, e podem prever o comportamento humano. Chatbots, drones de delivery, tradutor do Google, Alexa e Siri são todos exemplos perfeitos de inteligência artificial utilizando um histórico de dados para entregar serviços aperfeiçoados. Os avanços em tecnologias de IA e ML tornaram possível o desenvolvimento de experiências de usuário aprimoradas. Vamos conferir os impactos da IA em experiências de usuário?

Interfaces de usuário mais finas 

Interfaces mais finas apresentam menos obstáculos para os usuários quando estão navegando ou explorando um site ou aplicativo. Utilizando histórico de dados, a inteligência artificial é capaz de antecipar uma ação ou consulta do usuário e oferecer uma solução possível ou resultados pertinentes. O desenvolvimento da tecnologia de IA possibilitou aos produtos digitais priorizar as consultas dos usuários.

Automação

Embora muitas tarefas repetitivas e cotidianas não sejam importantes, elas requerem atenção humana para sua conclusão bem-sucedida. Alguns exemplos dessas tarefas que a inteligência artificial pode automatizar incluem redimensionar imagens, fazer correções de cores e cortar imagens.

Desenvolvedores de IA apresentaram soluções de tecnologia inteligente que são capazes de fazer todas essas tarefas sem intervenção humana. Por exemplo, os softwares da Adobe conseguem identificar padrões em imagens e ajudar os designers a ligar pontos.

imagem texto blog 13 IA UX 02

Sistemas de design mais inteligentes e modulares

Um sistema de design oferece padrões, módulos e elementos que unidos compreendem a linguagem do design de um produto ou marca. Salesforce, GE, Airbnb, Google e muitas outras empresas criaram sistemas de design que desenvolvedores UX podem usar para oferecer uma interface de usuário consistente e bem desenvolvida aos seus consumidores.

Integrar inteligência artificial ou aprendizado de máquina a esses sistemas torna possível reunir e analisar métricas que ajudam as equipes de produto a entender como cada usuário individual interage com os elementos de uma interface. Quanto melhor um sistema de design entender o que está funcionando e o que não está, mais ele pode otimizar seus módulos para entregar melhores resultados de experiência.

Efeitos visuais

Uma das inovações dos desenvolvedores de AI resultou na criação de diversas aplicações que utilizam tecnologia AI de reconhecimento facial, incluindo Autodraw, Aristo e Prisma. Além disso, usuários podem aplicar efeitos visuais como blur ou sombra em imagens de rostos humanos.

Personalização

Outra capacidade orientada por IA que teve considerável impacto e melhorias na experiência do usuário é a personalização. Experiências personalizadas podem entregar grande eficiência ao usuário e melhorar a interação.

Potencializando processos de UX Design por meio de Inteligência Artificial 

A principal razão para usar inteligência artificial é reduzir a necessidade de atenção humana. No campo do UX Design, a inteligência artificial ou aprendizado de máquina podem impulsionar os processos, que vão desde a análise de dados à criação de produtos de design. Assim, os UX designers podem usar inteligência artificial para melhorar o processo de desenvolvimento e aprimorar a experiência do usuário.

Análise de dados

A inteligência artificial pode analisar grandes quantidades de dados para determinar padrões e fornecer resultados de UX Research significativos. Por exemplo, uma inteligência artificial pode gerar questionários para coletar dados de usuários e, em seguida, usar esses dados para análise de dados qualitativos. A inteligência artificial também pode fornecer respostas relevantes aos usuários que precisam realizar essas análises.

UX Design

Mesmo que o desenvolvimento de UX Design seja um estágio criativo do processo de desenvolvimento do produto, a inteligência artificial pode desempenhar um papel importante nessa etapa. Você pode aproveitar vários algoritmos baseados em padrões históricos nos dados do usuário para criar diagramas de fluxo.

Protótipos e wireframe

Mesmo com poucos dados, a inteligência artificial pode desenvolver wireframes a partir de um fluxograma. Uma vez que uma IAentende o contexto e o fluxo, ela pode facilmente gerar wireframes completos para um aplicativo inteiro. O time de UX Design precisa apenas personalizar ou editar os wireframes para atender aos requisitos específicos do produto.

Testes A/B

A inteligência artificial pode gerar várias variantes de uma estratégia de UX Design em preparação para testes A/B ou multivariados e, em seguida, determinar qual solução tem o melhor desempenho.

imagem texto blog 13 IA UX 03

Como a inteligência artificial pode ajudar desenvolvedores de UX Design

A inteligência artificial pode fornecer opções para desenvolvedores UX e ajudá-los a tomar decisões rapidamente. A IA e o aprendizado de máquina têm ajudado os desenvolvedores e designers a alavancar a automação em seus projetos de desenvolvimento de produtos e aplicativos por um longo tempo. Vamos ver como.

Tomando decisões

A IA pode fornecer opções para desenvolvedores UX e ajudá-los a tomar decisões rapidamente. As previsões de machine learning são baseadas em conjuntos de dados históricos e, ao dar aos usuários o menor número possível de opções, tornam o processo de tomada de decisão fácil e rápido.

Construindo laços entre humanos e inteligência artificial 

Assistentes de voz como Siri e Alexa são perfeitos exemplos de vínculo humano – inteligência artificial. Após obter e analisar grandes quantidades de dados dos usuários, uma inteligência artificial pode prever com segurança o comportamento humano, o que ajuda no desenvolvimento da ligação Humano-IA. Os desenvolvedores de UX Design podem aproveitar a ligação Humano-IA para melhorar a experiência do usuário em todo o processo de desenvolvimento de aplicativos.

Análise de dados eficiente

Os designers de UX Design projetam interfaces de usuário – até certo ponto – com base na análise de dados. Se você atribuísse a mesma tarefa a uma inteligência artificial, ela poderia analisar grandes quantidades de dados e gerar resultados úteis. Qualquer experiência do usuário seria melhor se fosse projetada após a análise de oceanos de dados. A inteligência artificial pode fazer essa análise para você em instantes. Imagine como os produtos que você projeta e desenvolve seriam relevantes para seus usuários, após analisar grandes quantidades de dados dos mesmos.

Entregando valor aos usuários

Um aplicativo com tecnologia de IA concentra-se em satisfazer as necessidades específicas dos usuários. Os desenvolvedores podem programar uma inteligência artificial para fornecer a melhor experiência do usuário e ótimos resultados. Um produto que entrega valor máximo a seus clientes e usuários resulta em um negócio lucrativo.

A inteligência artificial poderia assumir empregos na área de UX Design? 

E para aquela pergunta comum quando o assunto é tecnologia: não, os recursos de IA não substituem o papel dos desenvolvedores. Se em um futuro as tecnologias de machine learning forem capazes de desenvolver etapas em um projeto de UX Design, isso é outra história. A única certeza é que o olhar humano que desenvolve os algoritmos e tecnologias, então sempre haverá alguma tarefa para os profissionais, provavelmente alguma que ainda nem conhecemos.

Agora, a IA poupa tempo e esforço dos desenvolvedores de UX, auxiliando-os nas etapas de criação e no gerenciamento de serviços relacionados aos usuários.

A combinação de IA e UX Design nos reserva um futuro promissor. No entanto, é responsabilidade de empresas e desenvolvedores fazer o melhor uso das tecnologias de IA para melhorar o desempenho de seus produtos digitais. A IA pode ajudar desenvolvedores ao transformar produtos genéricos em experiências de usuário totalmente personalizadas.

Se você busca estratégias baseadas em tecnologia e usabilidade como pilares para conduzir o seu empreendimento rumo à transformação digital em todos os seus processos, entre em contato com os especialistas da Attri. Nosso time possui profissionais capacitados para desenvolver soluções internas para a sua empresa acelerar processos, assim como o posicionamento digital mais adequado para sua marca ter uma comunicação mais assertiva com seus clientes.

Fale com nossos especialistas

Compartilhe

Quem escreveu este conteúdo:

Matias Lucena

Matias Lucena, bacharel em Publicidade e Propaganda pela Universidade de Caxias do Sul (UCS), redator publicitário, ilustrador de final de semana e pós-graduando em User Experience Design and Beyond pela PUC -RS. The Wire é o melhor storytelling da TV, mas meu coração vai estar sempre com a Família Soprano.

Inscreva-se em nosso blog

Acesse, em primeira mão, nossos principais posts diretamente em seu email